Boletim Semanal | nº 711 | 25/11/2021

Os (novos) rumos do Plano Diretor de Natal: o que muda no controle de gabarito e na proteção da paisagem?

Com o objetivo de provocar o debate sobre os rumos do Planejamento Urbano de Natal e os possíveis efeitos na cidade, Rodrigo Silva, Ruth Ataíde e Amíria Brasil, pesquisadores do Núcleo Natal, analisam as propostas de alteração no sistema de proteção da paisagem e do meio ambiente contidas no Projeto de Lei 09/2021, referente ao novo Plano Diretor da capital potiguar. No texto, os autores apontam que as modificações contidas no PL 09/21 aumentam as incertezas quanto ao futuro da gestão urbana e ambiental do município, desconsiderando ou relegando a segundo plano todo o acumulado histórico construído durante décadas. Segundo os pesquisadores, mesmo diante dos diferentes interesses representados no processo de revisão do Plano Diretor, as alterações propostas deveriam reafirmar a proteção da paisagem e confirmar os pactos coletivos firmados no longo prazo. Confira!

Ocupação Cultural do Cais do Porto: a devolução do cais à cidade e à cidadania

Professores da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e representantes do Coletivo Cais Cultural Já apresentaram esta semana uma proposta para a revitalização do Cais Mauá, conforme o documento "Cais Cultural - Diretrizes Gerais. Proposta de Ocupação do Cais do Porto de Porto Alegre". A proposta contém uma alternativa viável de financiamento do projeto de revitalização que preserva a função pública e cultural dos doze armazéns do Cais e do setor do entorno da antiga Usina do Gasômetro, símbolos maiores da cidade de Porto Alegre. Com uma ocupação e uso baseados em atividades culturais, juntamente com outras formas de empreendimentos, a proposta confronta o discurso privatista e mostra que é possível oferecer um espaço acessível, democrático e culturalmente diversificado.
Nós respeitamos a sua privacidade e somos contra o spam.
Se você não deseja mais receber nossos e-mails, cancele seu recebimento acessando aqui.