Boletim Semanal | nº 645 | 06/08/2020

Artigo destaca a disseminação do novo coronavírus na Macrometrópole Paulista

A análise dos casos confirmados de COVID-19 e dos registros de óbitos, em São Paulo, mostra uma enorme concentração de ambos no conjunto de 174 municípios que compõem a chamada Macrometrópole Paulista. Pesquisadores do Núcleo São Paulo analisam em artigo o padrão de disseminação do novo coronavírus no estado, destacando o efeito das desigualdades socioespaciais na letalidade da doença. Os autores avaliam como a superposição de carências torna as condições sociais e econômicas mais determinantes que o padrão etário da população. As reflexões incluem as especificidades enfrentadas pela população de imigrantes internacionais e refugiados no estado de São Paulo. O texto também discute a formação da Macrometrópole Paulista e suas principais características sociais, econômicas e urbanas. Confira!

Pesquisas OM: conheça o projeto sobre Estrutura Social

Com o objetivo de apresentar as pesquisas em desenvolvimento na rede, lançamos a série "Pesquisas OM". No formato de vídeos curtos, quinzenalmente divulgamos os projetos que compõem o Programa 2017-2020 do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia (INCT) Observatório das Metrópoles. O tema dessa semana é Estrutura Social, cujo projeto de pesquisa analisa a estrutura de classe e da pobreza nas metrópoles brasileiras, tendo em vista a passagem de uma sociedade urbano-industrial para uma sociedade de serviços, em especial no momento de crise econômica e social experimentada na atual década. A partir da análise de dados sobre o trabalho, renda e educação, a pesquisa investiga a ligação entre o mercado de trabalho e o processo de segregação residencial. Nesse sentido, busca gerar reflexões sobre que efeitos o território tem sobre as oportunidades das pessoas. Assista o vídeo!
Nós respeitamos a sua privacidade e somos contra o spam.
Se você não deseja mais receber nossos e-mails, cancele seu recebimento acessando aqui.